Blog

Leite Materno e seus benefícios para o desenvolvimento infantil

03/08/2021

A Semana Mundial do Aleitamento Materno, de 1 a 7 de agosto, aborda o tema “Proteger a Amamentação: uma responsabilidade de todos”.

O leite materno é o melhor alimento nos 2 primeiros anos de vida, sendo muito importante para o neurodesenvolvimento e nas mais diversas áreas.

🤱🏼É rico em:
COLINA: precursor da acetilcolina – neurotransmissor relacionado à memória, ao humor, ao controle muscular e a outras funções do cérebro e do sistema nervoso.

FERRO: cofator de enzimas cerebrais envolvidas na síntese de diversos componentes e, também, parte estrutural do grupo HEME dos eritrócitros.

ZINCO: tem diferentes funções na neurogênese (processo de formação de novos neurônios no cérebro), maturação e migração neuronal, e na formação do cérebro depois do nascimento.

PREBIÓTICOS: importantes para o desenvolvimento da microbiota intestinal (população de micro-organismos que habitam o trato gastrointestinal, tendo como funções manter sua integridade e controlar a proliferação de bactérias patogênicas, que podem causar doençaa e inflamações ).

LCPUFAs: DHA – ácido docosahexaenóico (Ômega-3) – e ARA – ácido araquidônico (Ômega-6) -, que favorecem o desenvolvimento cerebral (neurônios e mielina), da retina (visual), metabólico e do sistema imunológico.

MFGM: membrana dos glóbulos de gordura do leite (fosfolipídios, glicolipídios, proteínas e glicoproteínas), que têm papel importante no desenvolvimento imunológico e cognitivo.

🤱🏼A recomendação é que o bebê seja alimentado exclusivamente com leite materno nos primeiros 6 meses, levando em conta que este leite atende a todas as suas necessidades físicas.

A amamentação promove as primeiras oportunidades de interação e comunicação social entre a mãe e o bebê; de afeto; do contato visual, que é pré-requisito para os mais diversos aprendizados.

Quando não é possível amamentar, ou torna-se necessário associar a amamentação com fórmulas enriquecidas com componentes semelhantes ao leite materno, o ato de alimentar o bebê continua sendo essencial para o seu desenvolvimento e para o vínculo entre mãe e filho. Por isso, é importante sempre oportunizar aconchego, interação e afeto nesse momento.

Dra. Deborah Kerches

Dra. Deborah Kerches
Neuropediatria e Saúde Mental Infantojuvenil
Especialista em Transtorno do Espectro Autista (TEA)

Últimas publicações

Nunca foi tão importante falar sobre Saúde Mental

Nunca foi tão importante falar sobre Saúde Mental

Nunca foi tão importante falar sobre Saúde Mental. O aumento de transtornos ansiosos e transtornos de humor, especialmente depressão, entre adolescentes e jovens têm sido significativo nos últimos anos. A situação torna-se ainda mais preocupante com essa pandemia...

ler mais
Cérebro feminino e Transtorno do Espectro Autista

Cérebro feminino e Transtorno do Espectro Autista

🧠Há particularidades no funcionamento cerebral feminino e comportamentos que impactam na apresentação das características do Transtorno do Espectro Autista (TEA) e justificam por que o diagnóstico costuma ser mais tardio em meninas. 🧠Estudos sugerem que o cérebro...

ler mais
Cérebro e Neuroplasticidade

Cérebro e Neuroplasticidade

O desenvolvimento do cérebro humano inicia-se ainda no período intrauterino, o que vai estabelecer a arquitetura básica, funcionamento e conectividade cerebral do bebê. Qualquer insulto ou prejuízo já nessa fase pode impactar negativamente em relação à saúde física,...

ler mais
Transtorno de Pânico e Transtorno do Espectro Autista

Transtorno de Pânico e Transtorno do Espectro Autista

O Transtorno de Pânico (TP) é caracterizado por ataques de pânico recorrentes e inesperados (podendo ocorrer mais de 1x no dia) e em pelo menos um dos ataques foi seguido por 1 mês ou mais de preocupação persistente de ter novo ataque e/ou alteração comportamental...

ler mais
Ataque de pânico em crianças

Ataque de pânico em crianças

📌Ataque de pânico é uma crise de intenso medo e/ou ansiedade que atinge seu pico de intensidade em torno de 10 minutos e dura por volta de 10 a 30 minutos, acompanhada de sintomas físicos. Embora “breve”, parece durar uma eternidade. É mais frequente em adultos e...

ler mais
Ataques de pânico noturnos em crianças

Ataques de pânico noturnos em crianças

Ataques de pânico podem ocorrer em qualquer momento do dia, porém, os noturnos apresentam algumas particularidades. Se diferenciam dos diurnos exatamente por serem ainda mais inesperados (sem qualquer previsibilidade sobre sinais que o antecedem). O ataque de pânico...

ler mais
Tratamento no TDAH

Tratamento no TDAH

O TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade) é o transtorno neurobiológico mais comum da infância e frequentemente acompanha o indivíduo até a fase adulta. Seu diagnóstico é clínico e possui critérios operacionais bastante claros e definidos. Possui 3...

ler mais
Transtorno do Estresse Pós-Traumático e TEA

Transtorno do Estresse Pós-Traumático e TEA

O Transtorno do Estresse Pós-Traumático (TEPT) se apresenta como reação a um evento traumático e envolve memórias recorrentes e intrusivas do(s) evento(s), com consequente entorpecimento emocional, aumento da tensão e do estado de alerta. Geralmente se inicia nos...

ler mais